Pesquisar por cursos... Pesquisando por Sem resultados para Ver todos os cursos com
AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO CELULAR E DA TOXICIDADE AGUDA E SUBCRÔNICA DE MATERIAL ALGÁCEO PRODUZIDO COM EFLUENTES

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO CELULAR E DA TOXICIDADE AGUDA E SUBCRÔNICA DE MATERIAL ALGÁCEO PRODUZIDO COM EFLUENTES

BIBLIOTECA - Trabalhos Acadêmicos
  • 3 horas de carga horária
  • 1 aula
  • 1 módulo de conteúdo
  • Última atualização 29/06/2023
  • 1 arquivo para download

Sobre o Curso

TÍTULO

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO CELULAR E DA TOXICIDADE AGUDA E SUBCRÔNICA DE MATERIAL ALGÁCEO PRODUZIDO COM EFLUENTES DA SUINOCULTURA 


DOCUMENTO - ARTIGO CIENTÍFICO COLETÂNEA DE DOCUMENTOS EMBRAPA SUÍNOS E AVES


AUTORES - ALEXANDRE MATTHIENSEN; MAYARA BREDA; JULIA NONNENMACHER; WILLIAM MICHELON; SILVANE ROMAN; ELISABETE MARIA ZANIN; HELISSARA SILVEIRA DIEFENTHAELER; ROGÉRIO LUIZ CANSIAN; ALBANIN APARECIDA MIELNICZKI PEREIRA; MÁRCIO BUSI DA SILVA.


RESUMO/ABSTRACT

Microalgas são organismos facilmente encontrados em ambientes aquáticos. São conhecidas por desempenharem papel importante na autodepuração de águas residuais, biorremoção de metais e atuarem em processos de tratamento de efluentes, gerando produtos como fertilizantes. Este trabalho concentrou esforços na avaliação da composição celular e da toxicologia de um consórcio de microalgas produzido em digestato de efluente da suinocultura. O interesse particular reside na produção de metabólitos secundários, que podem ser entendidos como uma resposta química às variações ambientais na tentativa das microalgas em se adaptar a um novo ambiente. O estudo focou na eventual acumulação de metabólitos em função de estresse ambiental induzido. Procurou-se avaliar a composição celular do material algáceo produzido nos fotobiorreatores, e foram realizados experimentos toxicológicos com metodologias padrão em modelo animal (bioensaio com camundongos) para avaliação das toxicidades aguda e subcrônica do material algáceo. Foi observado aumento da concentração de lipídeos nas células após estresse nutricional. Os ensaios toxicológicos apresentaram toxicidade nas doses usadas, com toxicidade maior via intraperitonial e menor via gavagem. Foram definidas doses consideradas seguras para ensaios subcrônicos via oral. Esses resultados devem dar suporte a experimentos posteriores utilizando o material algáceo como suplemento alimentar de aves, como um dos principais destinos da biomassa algas produzida com resíduos da suinocultura.

Público alvo

Profissionais, estudantes e interessados na cadeia do biogás e, atuantes nas diversas áreas, etapas de projetos ou operação na produção de biogás.

1 mês

Sem tempo para fazer o curso agora?

Fique tranquilo, você poderá participar desse curso em até 1 mês após a matrícula.

Conteúdo

1ARTIGO CIENTÍFICO

  • Avaliação da Composição Celular e da Toxicidade Aguda e Subcrônica de Material Algáceo Produzido com Efluentes da Suinocultura

    78 pg

Acesso por 1 mês

Estude quando e onde quiser

Materiais para download

AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO CELULAR E DA TOXICIDADE AGUDA E SUBCRÔNICA DE MATERIAL ALGÁCEO PRODUZIDO COM EFLUENTES

  • 3 horas de carga horária
  • 1 aula
  • 1 módulo de conteúdo
  • Última atualização 29/06/2023
  • 1 arquivo para download

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Política de Privacidade